Agradecimento pela sanção de duas leis

 Sr. Presidente, Sras. e Srs. Vereadores, amigas e amigos que nos acompanham da galeria, pela TV Câmara São Paulo e pela internet, quero fazer um agradecimento ao Prefeito João Doria e às vereadoras e vereadores desta Casa, pois no último dia 9, o Diário Oficial da Cidade publicou a sanção do Prefeito de dois projetos de minha autoria aprovados neste plenário.

A Lei 16.841 amplia os dias de semana e horários de funcionamento dos equipamentos culturais do Município. Agora a Secretaria Municipal de Cultura deverá implantar, promover e manter a programação dos equipamentos culturais sob sua gestão direta, com horário de funcionamento das 8h às 22h, de segunda a sábado. Isso vale para bibliotecas, casas de cultura, centros culturais, espaços de cultura e museus.

Além disso, as atividades artísticas e culturais oferecidas nos CEUs também deverão seguir esses horários, na medida do possível, de modo a não comprometer as atividades educacionais. E essa programação ampliada desenvolvida nos equipamentos culturais deverá também contemplar as características locais e regionais, como a compatibilidade com as demandas do entorno e do público frequentador.

A cultura como fator de conscientização, expressão e transformação do indivíduo e da sociedade deve ser acessível para todas e todos. Com essa lei, as pessoas que trabalham e estudam, ou que enfrentam longas horas no deslocamento entre sua casa e o trabalho, terão mais oportunidades para desfrutar das atividades culturais oferecidas pelo Município, inclusive possibilitando que a família faça isso junto.

Então a proposta, ou, melhor dizendo, o propósito dessa lei é justamente alcançar aqueles que trabalham no horário comercial, para que tenham mais oportunidades de horários nesses equipamentos culturais, até 22h, e principalmente garantir que esses equipamentos, na sua totalidade, funcionem aos sábados, porque nem todos funcionavam. Isso faz com que nossas crianças tenham mais oportunidades de lazer, e que a família esteja junta. Então estou muito feliz que esse projeto foi sancionado.

A outra lei sancionada pelo Sr. Prefeito é a de número 16.846, que altera a denominação do Viaduto 31 de Março, no Brás, para Viaduto Therezinha Zerbini. Além de homenagear uma mulher, porque infelizmente as mulheres ainda são pouco lembradas na denominação dos logradouros de nossa Cidade, nós substituímos a lembrança da data de um triste fato da nossa história, o golpe militar de 1964, pela lembrança de uma guerreira da democracia e dos direitos humanos no Brasil.

Presa política, fundadora do Movimento Feminino pela Anistia, Therezinha Zerbini entregou uma carta ao presidente dos Estados Unidos, Jimmy Carter, em 1978, em que definia muito bem sua postura perante a vida, pois essa carta começava com os dizeres “Nós, que lutamos por justiça e paz”. Que essa merecida homenagem possa marcar na nossa Cidade um permanente lembrete da luta por justiça e paz e das pessoas que dela participaram e participam. Todo o reconhecimento a essa grande mulher, Therezinha Zerbini, sempre presente na nossa história e na nossa vida.

Que essa campanha de pensar sempre nas mulheres não aconteça somente nos espaços de poder, de decisão; nos momentos de homenagem também é devido pensar nas mulheres, e marco meu compromisso com o projeto, por mais memória das grandes mulheres que fizeram história. Venho a esta tribuna pedir a todos os 54 Vereadores que se conscientizem e tenham a iniciativa de apresentar projetos de lei que valorizem e empoderem mulheres. Que mulheres que contribuíram com nossa história, que fizeram a nossa história, que têm uma história tão respeitável sejam lembradas em cada mandato, e que cada um dos Srs. Vereadores apresente projetos que lembrem os nomes de grandes mulheres.

 

Obrigada.