Adriana Ramalho teve dois projetos de lei aprovados em primeira votação

Nesta semana, a vereadora Adriana Ramalho, líder da bancada do PSDB na Câmara Municipal de São Paulo, teve dois de seus projetos de lei aprovados em primeira votação.

Para seguirem para sanção do Prefeito, os projetos precisam ser votados mais uma vez.

Na segunda-feira (11/12/17), os vereadores aprovaram o PL 196/2017, que muda o nome do Viaduto 31 de março para Therezinha Zerbini.

“Essa mudança é importante porque o atual nome do viaduto homenageia a data do golpe militar. Queremos homenagear a Therezinha Zerbini, que lutou contra os abusos praticados neste período da ditadura”, explica Adriana, que apoia a iniciativa “Somos mais que 16%”, uma campanha que incentiva os parlamentares a darem nomes de mulheres para os espaços públicos.

Descanso para os enfermeiros

O outro PL aprovado em primeira votação foi o 274/2017, que obriga equipamentos de saúde, públicos e privados, a disponibilizarem locais de repouso para os profissionais de enfermagem.

Esta é uma demanda antiga da categoria, cujos trabalhadores se submetem a longas jornadas de trabalho, resultando em exaustão física e psíquica, o que pode provocar sérios problemas aos pacientes.

Ambos os projetos ainda precisam passar por mais uma votação no plenário da Câmara para então seguirem para o Executivo.