Revelando São Paulo: maior festival de cultura tradicional paulista chega à capital com programação gratuita

Até domingo (23/09), artesãos, violeiros, dançantes e culinaristas de 162 municípios do interior e litoral do estado invadem a capital para a 21ª edição do Revelando São Paulo.

A festa é no Parque do Trote/Mart Center, na zona norte da capital, que se transformou em um grande espaço de celebração multicultural. Realizado pelo Governo do Estado de São Paulo, por meio da Secretaria da Cultura do Estado, o evento é gratuito e traz para a capital paulista as tradições que fazem a diversidade e a pluralidade do estado, oferecendo ao público uma oportunidade ímpar de contato com a gastronomia e as tradições artísticas das mais variadas regiões paulistas. Pode-se dizer que os caiçaras, caipiras e tropeiros estão de volta à capital.

O festival, realizado desde 1997, dispõe de espaços de culinária e ranchos tropeiros de diferentes regiões do estado, com culinaristas produzindo doces caseiros, bolinhos caipira, broas, pamonhas, bolos, café caipira, virados, afogados, galinhadas, feijão tropeiro, farinha de mandioca, peixes e moquecas, entre outras iguarias que compõem a “Mesa Paulista”.

Nos espaços de artesanato, artesãos de diversas regiões confeccionam seus produtos com palha de milho, folha de bananeira, cipó, madeira, ferro, além de cerâmica, crochê e bordado, entre outros materiais, com técnicas passadas através de gerações da família.

O público pode, ainda, conhecer manifestações culturais e artísticas de diferentes regiões do estado. A cada dia, o Revelando apresenta uma programação diversificada, como catira, folia de reis, grupos de congadas e moçambiques, batuque e violeiros.
A edição deste ano também comemora os 70 anos da Comissão Paulista e Nacional de Folclore.

PROGRAMAÇÃO

Programação Permanente das 9 às 21h

Artesanato – Exposição e comercialização de produtos artesanais de tradição, bem como demonstração dos misteres dos artesãos.
Comensalidade – Os humanos se encontram, compartilham ideias e sentimentos. Celebram o encontro e a sintonia compartilhando a mesa, o comer e o beber juntos.
Culinária – Preparo e consumo de iguarias da culinária paulista tradicional.
Em Torno do Barro – Espaço concebido para a reunião de arte-ceramistas tradicionais e o compartilhamento de saberes e conhecimentos nas artes do fogo e do barro.
Homem do Realejo – Presença dos homens do Realejo durante o festival.
Espaço Interétnico – Indígenas do estado de São Paulo, com sua musicalidade, seu artesanato e outras práticas culturais;
Comunidades de Ciganos, convivência e compartilhamento de músicas, danças e outros elementos culturais identitários.
Recitação do Rosário – Todos os dias às 8h na Capela e às 9h no Quintal de São Benedito.
Comemoração CPF – Celebração dos 70 anos da Comissão Paulista de Folclore, com exposição fotográfica sobre a cultura tradicional Paulista das obra dos fotógrafos Reinaldo Meneguim, Diego Dionisio, Flavio Pilege, César Dinis e Leonil.

21 de Setembro – Sexta-Feira – Vila + (antigo Mart Center)

09h – Abertura do Palco
Trança fitas – Itaóca;
Adoradores da Santa Cruz – Mirim – Embu das Artes.
XIX Encontro de Fandango
Fandango de Tamanco – Itaóca;
Fandango do Cuitelo – Ribeirão Grande.
XIX Encontro de Catira
Grupo de Catira de Monteiro Lobato;
Rainhas do Catira – Hortolândia;
Cururueiros – Tatuí; Dança do Barro – Apiaí.
XIX Encontro de São Gonçalo
São Gonçalo – Atibaia;
São Gonçalo – Jarinu;
Grupo de Dança de São Gonçalo de Pardinho.

13h – Encontro de Orquestra
Orquestra de Violeiros de Descalvado;
Orquestra de Violeiros e Cantores Ouro na Serra – Guapiara;
Orquestra de Violeiros Coração da Viola – Guarulhos;
Orquestra de Viola Matutos da Mantiqueira – Joanópolis;
Orquestra Torrinhense de Viola Caipira.

18h – Comemoração do Dia internacional da Paz e Conexão de Cura
Grupo Orgulho Caipira – Dança do Sabão – Lagoinha

20h – X Noite de São João
Quadrilha Terceira Idade Juventude Imaculada – Cruzeiro.

Encerramento
Bonecões da Mantiqueira – Caçapava.

 

22 de Setembro – Sábado – Vila + (antigo Mart Center)

9h – Cortejo – XXIII Festival de Bonecos de Rua e Cabeções
Bloco da Vaca – Artur Nogueira;
Bonecões Caçapava;
Bonecões Gigantes Pereirões – Monteiro Lobato;
Bloco Zé Pereira – São Bento do Sapucaí;
Bonecões Torrinha;
Banda Waldemar Tedeshi – Torrinha;
Cia Caracaxa – São Paulo.

9h – Palco – Encontro de Reiada
Folia de Reis Luz Divina – Artur Nogueira;
Cia. Ases do Brasil – Folia de Reis – Campinas;
Grupo de Folia de Reis de Santo Antonio do Bairro Tinga – Caraguatatuba;
Folia de Reis Paróquia de Nossa Senhora da Boa Esperança – Caçapava;
Folia de Reis de Cândido Mota;
Folia de Reis – Embu das Artes;
Folia de Reis Estrela Guia de Guarulhos;
Folia de Reis de Pedra D’Alva de Guarulhos;
Folia de Reis de Palmital;
Folia de Reis Morro do Abrigo – São Sebastião;
Cia. de Reis Litoral – São Sebastião;
Grupo Folia de Reis da Vila Formosa – Sorocaba;
Folia de Reis de Torrinha;
Companhia de Santos Reis – Várzea Paulista;
Divino Espírito Santo da Rainha da Paz do Julio Mesquita – Sorocaba;
Confraria do Divino Espírito Santo _ Joanópolis;
Folia de Reis do Pontal Cruz – São Sebastião;
Moçambique da Vila Tesouro – São José dos Campos.

13h – Dança da Santa Cruz – Carapicuíba;
Grupo Sarabaque – Carapicuíba.
XVII Festival da Amizade
Devi – Dança Indiana – Atibaia;
Grupo Cheiro de Mate – Capão Bonito;
Reisado Sergipano e Bumba meu Boi do Guarujá;
Grupo Folklorístico Stella Bianca – Jarinu;
Coral Guarani da Aldeia Araça-Mirim – Pariquera Açu;
Grupo de Danças Gaúchas Tropeiros da Nascente – Pilar do Sul
Rancho Folclórico Típico Madeirense do Morro do São Bento – Santos;
Mi Vejo Simón – São Paulo;
San Simón – São Paulo;
Grupo de Danças Parafolclóricas de Pirassununga;
Associação Cultural Anástasis – Olímpia;
Ribeira Ryofu Daiko – Registro;
Grupo Apolo de Danças Gregas – São Paulo;
Folclore e Etnografia Região Autónoma da Madeira – São Paulo;
Ballet Folclórico Boliviano – Guarulhos.

15h – Mesa de Cosme e Damião – No Saguão

19h – XVII Noite dos Tambores
Grupo Baobá de Melê – Coco de Pisada – Peruíbe;
Grupo de Jongo Filhos da Semente – Indaiatuba

20h – Encerramento
Grupo Samba Lenço – Mauá;
Jongo Quilombolas do Tamandaré Guaratinguetá

 

23 de Setembro – Domingo – Vila + (antigo Mart Center)

9h – Palco
BAMUC – Banda Municipal de Cajati;
Corporação Musical Maestro Custódio Possidônio Martin – Apiaí;
Associação Cultural Som & Arte – Peruíbe.

12h – Cortejo – Entrada no Recinto
XX Congado Paulista
Congada Rosa – Atibaia;
Congada Verde – Atibaia;
Cia. de Moçambique de Caraguatatuba; Cortejo do Divino de Itanhaém;
Congada de São Benedito e Nossa Senhora da Conceição – Lagoinha;
Grupo Folclórico e Religioso Moçambique de São Benedito de Lorena;
Moçambique Esperança – Monteiro Lobato;
Congada Santa Ifigênia – Mogi das Cruzes;
Congada Batalhão Nossa Senhora de Aparecida – Mogi das Cruzes;
Congada do Divino Espírito Santo – Mogi das Cruzes;
Congada Preto e Branco – Nazaré Paulista;
Congada São Benedito – Pindamonhangaba;
Grupo de Moçambique Leal Bahia – Piraju;
Congada Terno de Sainha Irmãos Paiva – Santo Antônio da Alegria;
Congada São Benedito – São Sebastião;
Congada de São Benedito e do Divino Espírito Santo – Socorro;
Bandeira do Divino Espírito Santo – Votorantim;
Irmandade do Divino da Paróquia Nossa Senhora do Ó – São Paulo;
Caminheiros de Santo Expedito – Mairiporã;
Irmandade de Moçambique Vila do Tesouro – São José dos Campos – Caiapó de Piracaia;
Afoxé Filhos do Cacique – São Paulo.

18 h – Encerramento
The Sun – Orchuestra – São Paulo.

 

COMO CHEGAR

De Metrô

Da Estação Carandiru (Linha 1 – Azul do Metrô) – Saindo da Estação, a linha de ônibus – 172N-10 (Metrô Belém) faz parada na porta do Parque.

Da Estação Santana (Linha 1 – Azul do Metrô)– As linhas de ônibus 172N-10 (Metrô Belém) e 271M-10 (Pq. Novo Mundo) levam ao Parque;

Da Estação Liberdade (Linha 1 – Azul do Metrô) – Opte entre as linhas de ônibus 2127-10 (Jardim Brasil/Metrô Liberdade) ou 2123-10 (Vila Medeiros/Metrô Liberdade).

 

SERVIÇO

21º Revelando São Paulo
Data: de 19 a 23 de setembro
Horário: das 9h às 21h
Local: Mart Center (Av. Nadir Dias de Figueiredo – Vila Maria/Vila Guilherme zona Norte da Capital)
Entrada gratuita

 

Com informações da assessoria de imprensa da Secretaria da Cultura do Estado

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *